INÍCIO > PALESTRAS > A dimensão humanista da história medieval - Parte II

PALESTRAS

DIALÉTICO

PALESTRA

A dimensão humanista da história medieval - Parte II

Os Profs. Victor Pinheiro e Ricardo da Costa conversam sobre as luzes do espírito medieval em autores como S. Agostinho, Boécio, Lúlio e Dante.

 

 

Professores Doutores: Victor Sales Pinheiro (UFPA) e Ricardo da Costa (UFES)

Tema: A dimensão humanista da história medieval – Parte II

 

Partes:

I. Redescobrindo a idade média: a arte, a pedagogia,  

II. Idade das luzes: Santo Agostinho, Boécio, São Bernardo de Claraval, Santo Anselmo, Santo Tomás de Aquino, Ramon Llull e Dante Alighieri

 

Parte II. IDADE DAS LUZES

1. As Confissões de Santo Agostinho

2. A consolação da Filosofia de Boécio

3. São Bernardo de Claraval e Santo Anselmo

4. Ramon Llull

5. A Suma Teológica de Santo Tomás de Aquino

6. A Divina comédia de Dante

7. Bibliografia

BERNAT METGE. O Sonho (trad.: Ricardo da Costa). Texto ainda inédito.

BURKE, Peter. Testemunha ocular. História e Imagem. Bauru: EDUSC

CLEMENTE DE ALEXANDRIA, O pedagogo. SP: Ecclesiae.

CHENG, François. Cinco meditaciones sobre la belleza. Madrid: Siruela.

CHESTERTON, G.C., Ortodoxia. SP: Ecclesiae.

COSTA, Ricardo da. “A Estética do Corpo na Filosofia e na Arte da Idade Média: texto e imagem”. In: Trans/form/ação, Marília, v. 35, p. 161-178, 2012 Edição Especial. Internet, http://www.ricardocosta.com/artigo/estetica-do-corpo-na-filosofia-e-na-arte-da-idade-media

COSTA, Ricardo da. “Ramon Llull (1232-1316) e a Belezaboa forma natural da ordenação divina”. InRevista Internacional d'Humanitats. Ano XIII, n. 18, 2010, p. 21-28. Internet, http://www.ricardocosta.com/artigo/ramon-llull-1232-1316-e-beleza-boa-forma-natural-da-ordenacao-divina

COSTA, Ricardo da. “A luz deriva do bem e é imagem da bondade”: a metafísica da luz do Pseudo Dionísio Areopagita na concepção artística do abade Suger de Saint-Denis”. In: Scintilla. Revista de Filosofia e Mística Medieval. Curitiba: Faculdade de Filosofia de São Boaventura (FFSB), Vol. 6 - n. 2 - jul./dez. 2009, p. 39-52. Internet, http://www.ricardocosta.com/artigo/luz-deriva-do-bem-e-e-imagem-da-bondade-metafisica-da-luz-do-pseudo-dionisio-areopagita-na

COSTA, Ricardo da. “As relações entre a Literatura e a História: a novela de cavalaria Curial e Guelfa”. In: BUTIÑÁ & CORTIJO (eds.). Literatura, Llengua i Cultura de la Corona d'Aragó, volume 1, 2012, p. 84-98. Internet, http://www.ricardocosta.com/artigo/relacoes-entre-literatura-e-historia-novela-de-cavalaria-curial-e-guelfa

COSTA, Ricardo da. “Uma jóia medieval no alvorecer do Humanismo: a novela de cavalaria Curial e Guelfa (século XV)”. In: MONGELLI, Lênia Márcia (org.). De cavaleiros e cavalarias. Por terras de Europa e Américas. São Paulo: Humanitas, 2012, p. 539-549. Internet, http://www.ricardocosta.com/artigo/uma-joia-medieval-no-alvorecer-do-humanismo-novela-de-cavalaria-curial-e-guelfa-seculo-xv

COSTA, Ricardo da. “Os sonhos e a História: Lo somni (1399) de Bernat Metge”. InRevista de lenguas y literaturas catalana, gallega y vasca. Anuario de filología catalana, gallega y vasca
(RLLCGV). Madrid: UNED, Año 2012, volumen XVII, p. 15-30. Internet, http://www.ricardocosta.com/artigo/os-sonhos-e-historia-lo-somni-1399-de-bernat-metge

DAVY, Marie-Madeleine. Iniciación a la simbología románica. El siglo XII. Madrid: Akal.

DAWSON, Christopher, Criação do Ocidente. SP: É Realizações.

DUBY, Georges. O tempo das catedrais. A arte e a sociedade (980-1420). Lisboa: Estampa.

HASKINS, Charles H., A ascensão das universidades. Camboriú: Danúbiu.

JAEGER, Werner. Cristianismo primitivo e Paidéia grega. Lisboa: Edições 70.

JOHNSON, Paul. Arte: a new history. NY: Harper. 

LEWIS, C.S. A imagem descartada – para compreender a visão medieval do mundo. SP: É Realizações.

MOCZAR, Diane, Sete mentiras sobre a Igreja Católica. SP: Castela.

NEMO, Philippe, O que é o Ocidente?. São Paulo: Martins.

Nougué, Carlos. Série “Os fins da arte”. http://contraimpugnantes.blogspot.com.br/2008/06/os-fins-da-arte-i.html

GILSON, Etienne, Espírito da filosofia medieval. SP: Martins Fontes.  

GOMBRICH, E. H. A História da Arte. Rio de Janeiro: LTC.

JAQUES PI, Jèssica. La estética del románico y el gótico. Madrid: A. Machado Libros.

PANOFSKY, Catedral gótica e escolástica. SP: Martins Fontes.

PELIKAN, Jaroslav. Maria através dos séculos. Seu papel na história da Cultura. SP: Cia das Letras.

PERNOUD, Regine, Idade Média, o que não nos ensinaram. SP: Linotipo digital.

PISCHEL, Gina. História Universal da Arte. SP: Melhoramentos.

RAMON LLULL. Félix ou O Livro das Maravilhas (apres., trad. e notas: Ricardo da Costa). Coleção Grandes Obras do Pensamento Universal - 95. Local: São Paulo. Editora: Editora Escala. Ano de publicação: 2009, 02 volumes.

SAN AGUSTÍN. Sobre la Música. Madrid:  Editorial Gredos, 2007.

SEUDO DIONISIO AREOPAGITA. Teologia Mística. Madrid: Biblioteca de Autores Cristianos (BAC), 1995.

TATARKIEWICZ, Wladyslaw. Historia de la Estética II. La Estética medieval. Madrid: Akal.

WOODS Jr., Thomas. Como a Igreja católica construiu a civilização ocidental. SP: Quadrante. 

 

© 2017 - Todos os direitos reservados para - Portal Dialético - desenvolvido por jungle